//Ciberfeminismo – Campanha de Financiamento

capinha

//CIBERFEMINISMO
Aperte enter para rodar o código de novo livro da Editora Monstro dos Mares “Ciberfeminismo: Tecnologia e Empoderamento” uma produção coletiva, reunindo artigos de colaboradoras e textos selecionados. Apoie no Catarse para tornar o livro em realidade!

https://www.catarse.me/livrociberfeminismo

Desde que deixou os laboratórios das universidades e outros centros de pesquisa e tecnologia – tradicionalmente ocupados por homens cis, brancos, hetero, e membros da elite econômica –, a Internet se constrói como um local que, ao mesmo tempo, abriga (re)produção de discursos misóginos e tem o potencial de ser uma ferramenta poderosa para o enfrentamento daqueles mesmos discursos.

A coletânea que apresentamos agora começou a tomar forma em 2015, quando aEditora Monstro dos Mares realizou uma chamada pública de artigos sobre o ciberfeminismo. Os textos recebidos foram selecionados e organizados em um panorama que mostra alguns desdobramentos da militância feminista no ciberespaço, que o compreendem como zona fértil para a proliferação do poder feminino através da apropriação dos meios tecnológicos e sua transformação em ferramentas de luta.

Autoras:

<Claire L. Evans>
<Talita Santos Barbosa>
<Tatiana Wells>
<Jarid Arraes>
<Fhaêsa Nielsen>
<Caroline Franck + Cássia Rodrigues Gonçalves + Êmili Leite Peruzzo>
<Izabela Paiva>
<Graziela Natasha Massonetto>
<Priscila Bellini>
<Soraya Roberta, [S. R.]>
<Angélica Schenerock>

Organização:

<Claudia Mayer>

Ao apoiar esta campanha você não estará apenas “comprando um livro”. Cada contribuição tornará possível a produção de mais livros. Quando você receber o seu, outro será destinado a coletivos de militância, bibliotecas autônomas, e outras pessoas que, ao entrar em contato com a tinta no papel, farão a diferença que o mundo precisa hoje.

(As colaborações que não compõe a versão impressa da coletânea serão disponibilizados para download quando do lançamento do livro.)


Ciberfeminismo: Tecnologia e Empoderamento
A5 (148.5 x 210 mm)
100 páginas (apróx)
Capa em papel branco offset 230gr
Miolo em papel branco offset 75gr

PREVISÃO PARA JANEIRO DE 2017
Com seu apoio poderá ser antes =)

Orçamento

Onde serão utilizados os valores arrecadados

  • 50% Impressão
  • 30% Correios
  • 13% Catarse
  • 07% Recompensas

[informe] Você pode doar Bitcoins para fazer mais livros

A Editora Artesanal Monstro dos Mares está aceitando Bitcoins para poder agilizar o processo de botar mais e mais livrinhos na rua. Essa moeda alternativa é utilizada em diversas transações na internet e utiliza-la é bastante simples, basta você instalar uma ferramenta de mineração e quanto mais tempo você deixar o aplicativo aberto, sincronizando com a internet, mais moedinhas você vai acumulando.

O minerador é um pequeno software que utiliza uma parcela do seu processador, conexão com a internet e um pedacinho da sua memória para contribuir com a rede e sincronizar pacotes criptografados de dados.

No momento estamos aceitando doações para nossa editora dessa forma, assim que descobrirmos os paranauês das formas de integração, vamos realizar a comercialização de livros físicos através desse tecnologia pois acreditamos que quanto mais formas de escaparmos do grande capital, melhor.

Se você, sua cooperativa ou grupo de afinidade possui uma moeda alternativa, temos o máximo interesse em divulgar sua iniciativa e colocar nosso rolê na comunidade, seja através de nossos livrinhos, como em serviços de diagramação de livros não-sexistas, não-racistas, não autoritários, etc…

Para doar Bitcoins:
15ojGuNAo8njD9A6NZ6EXeVxwUP2nM6keL

QR-Code:
QRcodebitcoinmonstro

Domingos, 14h, Grupo de Estudos “Autonomia, Autogestão e Liberdade”

No dia 13 de maio, integrantes do Coletivo de Estudos Humanistas, Libertários e Anarquistas, da cidade de Araranguá (SC), estiveram em Cachoeira do Sul visitando o Editora Artesanal Monstro dos Mares. O encontro de confraternização também contou com trocas de materiais, como livros, impressos e objetos expositivos. Com o intercâmbio de ideias entre os coletivos, os membros da chamada Casa Pirata e convidados, dão início aos estudos de cooperação nas lutas libertárias globais.

O grupo de estudos pretende abortar temas que estimulem o pensamento crítico, através da leitura, discussão e criação de materiais em torno da autonomia, autogestão, imprensa, inovação social, liberdade, participação social, privacidade e tecnologia.

Os encontros serão sempre aos domingos, 14h, no Editora Artesanal Monstro dos Mares, na Rua Quinze de Novembro, 931. (Será servido um chá para esquentar as conversas.)

Oficina: WordPress para Ativistas

O Editora Artesanal Monstro dos Mares dos Aráças promove, através da vice-presidência de comunicação e tecnologia da Defender – Defesa Civil do Patrimônio Histórico, a oficina de WordPress para ativistas, blogueirxs e webdissidentes.

A oficina começa com um bate-papo sobre WordPress, liberdade em rede, censura, liberdade de expressão, internet livre, cibercidadania, metagoverno e metaparticipação. Após a apresentação entre xs participantes, seguirão os tópicos:

  • instalação e configuração
  • páginas, posts, categorias e links
  • temas e plugins
  • estratégias de publicação e divulgação

Sábado, dia 28/05, 18h na Lagoa da Conceição
Manoel Severino Oliveira, 19 (antigo Café dos Araçás)
http://monstrodosmares.com.br