[novidade] Deu monstro no milharal da internet

milharal

♬ Vomito o coração, de olhos abertos ergo meus punhos ao céu. / Do peito um grito se rasga aflito: Nunca mais submissão! / A colheita maldita aponta e indica: as crianças têm o poder. / É o fim senhores, as crianças cresceram e estão prontas para colher. – Colheita Maldita, Dance Of Days.

A partir de agora, a Editora Artesanal Monstro dos Mares faz parte do conjunto de blogs hospedados no Milharal, uma iniciativa de um grupo de voluntárixs para que mais projetos libertários e movimentos sociais possam utilizar sistemas seguros e em servidores de confiança.

Com essa migração, reafirmamos nossos compromissos com a luta social, com a liberdade dos povos e com a colaboração em rede de pessoas, grupos, coletivos, federações, comunidades, sindicatos e todas as pessoas que estão em movimento.

Nosso papel como editora, é esparramar cada vez mais tinta no papel, cada vez mais ideias circulando de mão em mão. Criar registros e documentação de nossa era, nossas lutas e pensamentos, para que essa geração permaneça no tempo, com tudo aquilo que fomos capazes de criar para destruir a opressão.

Saúde e Anarquia!

Adax, Simone BM, Burns, Celvio, Ênio, Karioka, Khynhu, Harmonia, Patrick, Vertov.

[Livro] Cultura de Segurança: Um manual para ativistas

Agentes provocadores em Taksim Square durante manifestação no dia 11/06/2013

Agentes provocadores em Taksim Square durante manifestação no dia 11/06/2013

O livro “Cultura de Segurança” do Organizing for Autonomous Telecomms, um coletivo canadense de segurança da informação que está lançando a versão em Português do Brasil pela Editora Artesanal Monstro dos Mares que informa como militantes e ativistas devem ficar atentos na atuação de infiltrados, informantes, agentes provocadores e vazamento de informações.

Esse é um manual para ativistas que estão interessados em criar e manter uma consciência e cultura de segurança nos movimentos sociais.

“Se nós queremos que nossos movimentos de ação direta continuem, é imperativo que comecemos a reforçar nossa segurança e a nos levar mais a sério. Agora é o momento de adotar uma cultura de segurança. Uma boa segurança é certamente a melhor defesa que temos.”

Cultura de Segurança – Um manual para ativistas
(Organizing for Autonomous Telecomms, versão brasileira Monstro dos Mares)
Cachoeira do Sul, Junho de 2013
Primeira Impressão
P&B, 30 páginas.

Impresso em Mobÿdistro ou Download Grátis

http://monstrodosmares.milharal.org/
http://tao.ca/