Agradecimentos Rede de Apoio de Junho e Julho + recompensa especial (Da Democracia à Liberdade)

Da Democracia à Liberdade: lançamento da Crimethinc. no Brasil por No Gods No Masters, Facção Fictícia e Subta

Somente com a contribuição mensal de compas que fazem parte da Rede de Apoio da Monstro dos Mares no Catarse que nosso bonde editorial pode seguir navegando nas águas da publicação. Não é a tarefa mais simples manter a editora, existir e fazer mais. Por isso temos muito à agradecer as pessoas que acreditam e confiam na atividade de colocar tinta no papel e distribuir.

“O mundo tem abundância suficiente para satisfazer as necessidades de todas as pessoas. A escassez é uma ilusão perigosa que funciona como uma profecia que serve a si mesma. Quando as pessoas param de dar e começam a acumular, a riqueza coletiva diminui. Ao superarmos o medo da escassez, a própria escassez desaparece. Os recursos comuns serão fartos se todas as pessoas compartilharem e contribuírem – ou mesmo se a maioria delas fizer isso. As pessoas gostam de ser ativas, criar e melhorar as coisas. Se elas tem acesso assegurado aos recursos comuns e abrirem mão da pobreza do trabalho assalariado, elas criarão com sobra as coisas que precisam e que lhes dão prazer – assim como a infraestrutura necessária para fazer e distribuir essas coisas.”

Peter Gelderloos, Anarquia Funciona.

O desejo para os próximos tempos é não depender da venda dos livros tão diretamente e fortalecer a Rede de Apoio para que a editora possa seguir existindo. Para imprimir materiais e fazer o envio gratuito aos movimentos de diversos recantos do Brasil. Fechar e despachar caixas para compas, por isso seguimos com a chamada à colaboração.

Para quem já faz parte da rede no Catarse, neste mês de Julho teremos uma recompensa muito especial, o lançamento “Da Democracia à Liberdade” de Crimethinc. com a colaboração de No Gods No Masters, Facção Fictícia e Editora Subta. Valeuzão mesmo! Segue os agradecimentos conjuntos dos meses de Junho e Julho de 2019:

  • Willian Aust
  • Manu Quadros
  • Lucas Soares
  • Cid Vale Ferreira
  • Andrei Cerentini
  • Gabriela Catunda Peres
  • Luiz Alberto Barreto Leite
  • Daniela de Souza Pritsch
  • Aline Anarelli de Araújo
  • Guapo Magon
  • Colaborações anônimas

Atualmente estamos com apoios mensais suficientes para o envio de cerca de 4kg de livros e zines que são distribuídos entre as pessoas e coletivos solicitam material conosco. Se você tiver interesse em indicar espaços sociais, bibliotecas comunitárias e coletivos de inspiração anárquica ou anarquista para enviarmos materiais, por favor, envie um e-mail para trocarmos contatos e formas minimamente seguras de envio dos endereços e referências de quem poderá receber o material. Nosso e-mail: monstrodosmares[a]riseup.net

Vídeo da campanha “O mal-estar do dominante”

Confira o vídeo da campanha de financiamento coletivo do livro da Cássia Rodrigues Gonçalves, “O mal-estar do dominante“.

“Quando eu escrevi esse livro eu falei um pouco do mal-estar do dominante justamente para olhar o que o dominante pensa, sente e vive na pele, no corpo que ele habita quando ele fica resistindo em trazendo um olhar de desconforto e resistência pra emancipação das minorias. E aí tem um mal-estar evidente pelo momento político no Brasil, pelo que tem acontecido socialmente, pela ascensão do conservadorismo. […] Tem um estar que precisa ser olhado com uma visão interseccional de que esse dominante não tem um mal-estar universal, mas sim a partir da própria perspectiva e lugar de fala. […] Neste momento específico da história e social, o dominante está se sentindo ameaçado em seu lugar de fala e em seu poder de dominante.”

Cassia

Confira a campanha no Catarse e se puder compartilhe com suas amizades. https://www.catarse.me/omalestardodominante

Agradecimentos Rede Apoio mês de Maio

Mudança eterna

Em Maio conquistamos casa nova. Sim estamos de mudança mais uma vez. Nomadizar é parte da vida, experimente! Mas essa não é a única novidade. Estivemos com materiais presentes na Cryptorave em São Paulo, recebemos a visita de uma das pessoas da Editora Subta onde gravamos uma entrevista em áudio que logo vai pro ar (precisa editar). Recebemos conteúdos originais por e-mail, livros e zines na “caixa postal” e fizemos um excelente intercâmbio de materiais com a Prensa Antifa de Curitiba.

Tem muita coisa acontecendo e queremos agradecer o apoio constante das pessoas que fortalecem a nossa existência e continuidade, pois sem esse apoio financeiro mensal parte de nossa atividade não é possível. São monas, minas e manos que entram com pequenos valores mensais à partir de 5 reais que dão aquela força para dar manutenção nos equipamentos, garantir nosso espaço de produção e realizar envios de materiais sem custos para singularidades, coletivos e bibliotecas comunitárias. Além disso, com contribuições acima de 30 reais é possível receber diversas recompensas. Confira as formas de apoio e recompensas no Catrase (www.catarse.me/monstromensal).

Agradecemos às apoiadoras e apoiadores do mês de Maio de 2019:

  • Victória Abreu Zanuzzo
  • Daniela de Sousa Pritsch
  • Rogério Veiga Rodrigues
  • Gabriela Catunda Peres
  • Paulo Oliveira
  • Claudia Mayer
  • Manu Quadros
  • José Vandério Cirqueira
  • Willian Aust
  • Guapo Magon
  • Colaborações Anônimas

Essas pessoas fortaleceram nossa rede de apoio em Janeiro

Em 2018 nós demos início ao projeto de financiamento coletivo das atividades da Editora Monstro dos Mares. Todos os meses uma rede de apoio é formada por pessoas que contribuem com pequenos valores para que nosso bondê editorial possa fazer mais livros de baixo e baixíssimo custo, enviar livros gratuitamente para singularidades e coletivos, realizar a manutenção de nossos equipamentos, viajar levando livros e melhorar um pouquinho o nosso espaço.

Neste mês aportamos na cidade Ponta Grossa no interior do Paraná. Aqui na Princesa dos Campos vamos seguir realizando nossas atividades, colar com os movimentos e fortalecer as lutas. Também como estaremos pertinho de Curitiba, eventualmente vamos levantar as velas e navegar até lá.

Queremos agradecer ao apoio de todas monas, minas e manos que acreditam que o livro barato, acessível e preferencialmente gratuito é uma ferramenta de transformação e que produzir/distribuir material impresso também é uma forma de ação direta.

Fica nosso agradecimento:

  • Daniela de Souza Pritsch
  • Rogerio Veiga Rodrigues
  • Gabriela Catunda Peres
  • Paulo Oliveira
  • Claudia Mayer
  • Manu Quadros
  • Lucas Soares
  • Willian Aust
  • José Vandério Cirqueira
  • Contribuições anônimas.

Conheça nossa Rede de Apoio e se puder participe com qualquer valor ou mesmo divulgando essa iniciativa. -> http://catarse.me/monstromensal

Agradecimentos rede de apoio mês de Novembro

View this post on Instagram

Para que (m) serve teu conhecimento?

A post shared by Editora Monstro dos Mares (@monstrodosmares) on

Olá compas! O mês de Novembro foi super corrido e tivemos momentos magníficos na Ilha de Desterro. Encontramos várias amizades, pessoas que eram conhecidas por suas arrobas e com quem pudemos trocar abraços.

O significado do I Colóquio Anarquismo e Pesquisa para nosso ânimo como editora de divulgação acadêmica com inspiração anárquica e anarquista ainda está retumbando dentro de nós e ficou aquela certeza de que o projeto editorial da Monstro dos Mares está indo de vento em popa.

Queremos agradecer a paciência das amizades da “Rede de Apoio”, pois estivemos fora nessas semanas. Vamos enviar as recompensas de todas as pessoas em dobro como uma forma de agradecimento. Fica aqui nosso carinho para:

  • Gabriela Catunda Peres
  • Willian Aust
  • Manu Quadros
  • José Vandério Cirqueira
  • Claudia Mayer

Você também pode participar da rede apoio que fortalece todos os meses o envio e distribuição de materiais gratuitamente para singularidades, coletivos e grupos.

Agradecimentos Rede de Apoio Set/Out

Tornar possível o envio de livros e zines gratuitamente para diversos rolês é uma tarefa de nossa editora. Realizar a divulgação de epistemologias dissidentes para além dos muros das universidades também. Mas queremos poder fazer mais do que isso, queremos chegar nos coletivos, nos grupos, nos bandos, bandas, estar de mão em mão com quem faz a luta social diária. Nosso projeto editorial busca realizar o registro e a difusão do tempo que , do que acontece nas ruas, do que forma os modos do pensamento das pessoas que compartilham de éticas e práticas disruptivas, tanto anárquicas, anarquistas, queer, anticivilização, hacker, e outras. E a tinta no papel é nosso modo de agir e não se corromper, pra nóis já é vitória.

Mas somente poderemos fazer mais quando estivermos menos dependentes das amarras cotidianas e para isso contamos com uma rede de apoio formada por pessoas que acreditam e confiam em nosso fazer-livros e por isso agradecemos imensamente:

  • Sandro Barroso
  • Paulo Henrique Souza
  • Las Monas Sítio Experimental
  • Ricardo
  • Willian Aust
  • Manu Quadros
  • José Vandério Cirqueira

Se puder, faça parte de nossa rede de apoio. A partir de R$5 por mês você já pode contribuir para nosso barco navegar em águas cada vez mais distantes. Valeuzão!

Um mês, muitas impressões.

Foi com um pouco de preocupação que entramos nas águas do financiamento coletivo, por medo do desconhecido. Chegamos molhando as canelas, pé por pé, sentindo o repuxo. Que bom que vocês estão aqui formando essa rede de apoio que é muito importante para a continuidade de nosso rolê editorial. Nesta primeira comunicação aberta, queremos falar um pouquinho sobre como foi esse primeiro mês e na medida possível vamos pensar formas de atualização desses números sem tornar a coisa chata.

Lá vai! 7.894 impressões, recebemos a visita de amizades da Editora Subta com quem tivemos ótimos momentos cheios de trocas de materiais, boas conversas, comidinhas, etc. Recebemos alguns alunos e um agente educacional do IFPR – Campus União da Vitória para um bate-papo sobre eletrônica e tecnologias solares juntamente com amizades do Coletivo AnarcoTecnológico Mariscotron que renderem um Podcast (sairá em primeira mão aqui na rede de apoio), participamos de uma feira de livros, recebemos livros de presente pela caixa postal.

Também entregamos exemplares do livro Ciberfeminismo para cada biblioteca da Universidade Estadual do Paraná – Unespar (em breve link do Pergamum), doação de sete exemplares do mesmo título para o IV Encontro de Gênero, Feminismos e Políticas Públicas em União da Vitória, enviamos 50 zines da coleção ao coletivo Contraciv e estamos criando materiais bem bacanas com o pessoal do BaixaCultura. Ufa! Certamente esquecemos de alguns acontecimentos, por isso pretendemos gerar mais registros sobre o que está acontecendo.

Algumas imagens estão no Instagram @monstrodosmares, posts no facebook, mas queremos utilizar mais o blog e e-mails. Falando em e-mail, graças à contribuição das pessoas que formam nossa rede de apoio, agora temos um novo endereço: editora@monstrodosmares.com.brpublicamos no blog as motivações e usos dessa ferramenta.

Agora aquela foto bonita da caixa de papel (5.000 folhas) e do Litro de tinta pigmentada de alta qualidade que conquistamos com o apoio das pessoas que confiam no livro como possibilidade real de transformação de mundos, de divulgação de ideias anárquicas, na articulação de espaços para epistemologias dissidentes dentro e fora das universidades e para além delas.

Obrigadão Rede de Apoio!


Claudia Mayer
Lívia Segadilha
Tiago Jaime Machado

Editora Monstro dos Mares
Caixa Postal 155
União da Vitória – PR
84600-970
site: monstrodosmares.com.br
blog: monstrodosmares.milharal.org
rede de apoio: catarse.me/monstromensal
telegram: @editoramonstrodosmares
facebook: fb.com/monstrodosmares
instagram: @monstrodosmares

Rede de Apoio Editora Monstro dos Mares

Olá amizades, demos início ao projeto de rede de apoio para nosso rolê acontecer, se manter e seguir existindo. Depois de 5 anos fazendo panfletos/zines e de 3 anos produzindo livros de forma absolutamente artesanal, com preços super honestos e com o objetivo de fazer com que os livros cheguem na mão de mais e mais pessoas, nós da Editora Monstro do Mares decidimos que nossa jornada requer mais fôlego para sobreviver, seguir existindo e se envolver em novos livros com mais profundidade. Por isso, estamos colocando o barco nas águas das contribuições recorrentes, formando uma rede de apoio ao nosso projeto editorial acadêmico e anárquico para seguirmos navegando!

Confira o projeto no Catarse e se puder, contribua.

//Ciberfeminismo – Campanha de Financiamento

capinha

//CIBERFEMINISMO
Aperte enter para rodar o código de novo livro da Editora Monstro dos Mares “Ciberfeminismo: Tecnologia e Empoderamento” uma produção coletiva, reunindo artigos de colaboradoras e textos selecionados. Apoie no Catarse para tornar o livro em realidade!

https://www.catarse.me/livrociberfeminismo

Desde que deixou os laboratórios das universidades e outros centros de pesquisa e tecnologia – tradicionalmente ocupados por homens cis, brancos, hetero, e membros da elite econômica –, a Internet se constrói como um local que, ao mesmo tempo, abriga (re)produção de discursos misóginos e tem o potencial de ser uma ferramenta poderosa para o enfrentamento daqueles mesmos discursos.

A coletânea que apresentamos agora começou a tomar forma em 2015, quando aEditora Monstro dos Mares realizou uma chamada pública de artigos sobre o ciberfeminismo. Os textos recebidos foram selecionados e organizados em um panorama que mostra alguns desdobramentos da militância feminista no ciberespaço, que o compreendem como zona fértil para a proliferação do poder feminino através da apropriação dos meios tecnológicos e sua transformação em ferramentas de luta.

Autoras:

<Claire L. Evans>
<Talita Santos Barbosa>
<Tatiana Wells>
<Jarid Arraes>
<Fhaêsa Nielsen>
<Caroline Franck + Cássia Rodrigues Gonçalves + Êmili Leite Peruzzo>
<Izabela Paiva>
<Graziela Natasha Massonetto>
<Priscila Bellini>
<Soraya Roberta, [S. R.]>
<Angélica Schenerock>

Organização:

<Claudia Mayer>

Ao apoiar esta campanha você não estará apenas “comprando um livro”. Cada contribuição tornará possível a produção de mais livros. Quando você receber o seu, outro será destinado a coletivos de militância, bibliotecas autônomas, e outras pessoas que, ao entrar em contato com a tinta no papel, farão a diferença que o mundo precisa hoje.

(As colaborações que não compõe a versão impressa da coletânea serão disponibilizados para download quando do lançamento do livro.)


Ciberfeminismo: Tecnologia e Empoderamento
A5 (148.5 x 210 mm)
100 páginas (apróx)
Capa em papel branco offset 230gr
Miolo em papel branco offset 75gr

PREVISÃO PARA JANEIRO DE 2017
Com seu apoio poderá ser antes =)

Orçamento

Onde serão utilizados os valores arrecadados

  • 50% Impressão
  • 30% Correios
  • 13% Catarse
  • 07% Recompensas