Mostra de Cultura Comunitária

É com muita satisfação que saudamos a Mostra de Cultura Comunitária, um ótimo exemplo de como a sociedade civil organizada pode, através da mobilização, apropriar-se de espaços públicos em nome do bem comum, da convivência pacífica, da celebração da diversidade e da integração cultural. Este é o genius seculi (espírito de tempo) em plenos pulmões.

No dia 19 de junho, aconteceu a Mostra de Cultura Comunitária, na Praça da Cidadania na UFSC, um projeto que procura trazer as comunidades para dentro da universidade, propondo um espaço lúdico e de lazer aos domingos, momento em que a UFSC fica(va) vazia.

O evento atraiu familiares, crianças, casais de namorados e amigos que saíram de suas casas para um domingo mais criativo. As crianças puderam correr à vontade, aprender a fazer sua pipa e na batalha dos pipeiros colecionar as coloridas pandorgas voadoras, grafitar as paredes do DCE, participar da oficina de música, soltar bolhas gigantes e aprender a fazer bonecas Abayomi ou bonecos de argila.

Durante a mostra foram realizadas apresentações musicais, em que a diversidade foi respeitada, mas a sincronia apareceu quando o grupo de jazz se uniu a voz do hip hop, voltando aos primórdios da música negra, quando o jazz servia de base para as contestações sociais de Gil Scott Heron, o passado e o presente, a luta da comunidade na alma do arma-zen, o freestyle do esquadrão da rima, a raiz norte do maracatu do arrasta ilha.

“Olhei para o céu e lá estavam as pipas marcado as notas musicais. Além do momento lúdico foi oferecido um delicioso almoço gratuito para toda a comunidade, respeitando os gostos vegetarianos ou não. E os passantes puderam apreciar as feirinhas de artesanato e os produtos produzidos nos acampamentos do MST. Ou se deitar na grama e curtir uma agradável tarde domingo.”

A organização da II Mostra de Cultura Comunitária é fruto da parceria entre a CUFA – Central Única de Favelas, a UNEGRO –  União de Negros pela Igualdade, o MST  -Movimento dos Sem Terra (representados pela Brigada Mitico), o DCE/UFSC – Diretório Central dos Estudantes e Coletivo Cardume Cultural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*