Copyfight: Pirataria e Cultura Livre

Copyfight: Pirataria e Cultura Livre
Série de colóquios – Brasil Menor, Brasil Vivo!

Com:

Adriano Belisário – Pontão da ECO/UFRJ e I-Motirõ
Bruno Tarin – i-Motirõ e Universidade Nômade
Guilherme Pimentel – Ativista cultural e membro da APAFunk
Maria dos Camêlos – Movimento Unidos dos camelôs

8 de Novembro, 14h

Fundação Casa de Rui Barbosa
Rua São Clemente 134
Botafogo
Sala de Cursos
Entrada Franca

Para além dos conflitos travados pelos direitos de cópia, Copyfight nos leva às múltiplas trincheiras de um polêmico tema da atualidade: a propriedade privada sobre o imaterial. Artistas, pesquisadores, agricultores, camelôs, hackers, médicos… Qualquer pessoa encontra-se atualmente atravessada pelas questões de “propriedade intelectual” no seu dia a dia. As redes e as ruas são os campos de batalha de uma guerra que se materializa nas campanhas anti-pirataria, na repressão aos ambulantes nas metrópoles e nos dolorosos dobramentos que as patentes de medicamentos e o controle sobre formas de vida causam. Mas que também se materializa no vazamento de informações “confidenciais” de governos e grandes empresas, na ocupação e produção autônoma das cidades e da internet, no desenvolvimento de software livre etc.

Copyfight se coloca nessa disputa a partir da constatação de que a dualidade “Copyright X Copyleft” e a tentativa de síntese efetuada pelo Creative Commons são incapazes de dar conta da multiplicidade de perspectivas e práticas que são desenvolvidas em torno da pirataria e cultura livre. Copyfight é um convite à produção de novos pontos de vista e práticas sobre esses temas, assim como a ocupação das redes e das ruas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*